Inicio
Institucional
ITB na mídia
Notícias ITB
BRK Ambiental coloca Mauá como destaque em saneamento

BRK Ambiental coloca Mauá como destaque em saneamento

Jornal ABC Repórter
18/05/2017

A BRK Ambiental esclareceu em nota encaminhada ao REPÓRTER que “trata 70% do esgoto da cidade e não 40%, como veiculado na matéria do ABC Repórter, na última sexta feira (12)”. Segundo a concessionária, o índice de 40% divulgado (pelo prefeito Atila Jacomussi em entrevista ao jornal) pode ter associação com o índice de perdas de água da cidade, mas não com o esgoto, que hoje já significa para a cidade mais de 50 milhões de litros tratados todos os dias”.A empresa assumiu os serviços de coleta, afastamento e tratamento de esgoto de Mauá em 2017. O contrato de concessão havia sido assinado com o município em 10/01/2003 e está em “plena operação, evoluindo constantemente com os objetivos de levar os serviços de esgotamento sanitário a toda a população e tem prazo previsto até 2042”, assinala a BRK.

ÍNDICESSegundo a concessionária, “a BRK Ambiental está em Mauá com o compromisso de oferecer um serviço de qualidade para toda a população e trabalhar pela evolução nos índices de coleta e tratamento de esgoto do município”. E prossegue: “Em fevereiro deste ano o instituto Trata Brasil divulgou o resultado do estudo sobre a situação do saneamento nos 100 maiores municípios do Brasil. Mauá, como destaque no estado, subiu de 62º lugar (2011) para 21ª posição em 2016, um avanço que representa o crescimento no índice de tratamento de esgoto na cidade.”Esse destaque positivo de Mauá resulta de investimentos de aproximadamente R$ 240 milhões, que proporcionaram a ampliação do Sistema Público de Esgotamento Sanitário, além da implantação de mais de 22 quilômetros de coletores tronco, 8 quilômetros de interceptores e a construção de uma nova e moderna Estação de Tratamento de Esgoto na cidade, a ETE - Mauá.Também foi uma das cidades brasileiras que mais avançou na expansão dos serviços de esgoto no último ano. A rede coletora atende 93% da população e até maio de 2015 a cidade tratava apenas 5% do efluente coletado. A partir da construção e funcionamento da Estação de Tratamento de Esgoto em dezembro de 2015 os índices evoluíram e o volume atual tratado representa 70% de serviço prestado à população. Esse aumento ocorreu após a plena operação da planta e a realização de investimentos para interligação das redes públicas coletoras de esgoto aos coletores- tronco, implantados em sub-bacias que margeiam os principais córregos do município.

TRATAMENTOA ETE Mauá tem capacidade para tratar 1.125 litros de esgoto por segundo com um moderno sistema de tratamento, tecnicamente chamado de Reatores Sequenciais por Batelada Avançado, tecnologia que proporciona tratamento biológico aos resíduos sem utilizar agentes químicos, gerando um efluente tratado livre de poluentes orgânicos.Isso significa que mais de 50 milhões de litros de esgoto são tratados diariamente na planta. Com o avanço desses índices, a cidade já apresenta importantes resultados na despoluição dos cursos d’água que cortam o município. A meta da concessionária é que, no menor tempo possível, toda a cidade conte com Sistema de Tratamento disponível para sua população. “Assim, a BRK Ambiental traz para Mauá o que os seus cidadãos precisam, em relação às ações de desenvolvimento sustentável, melhoria da qualidade de vida, aliando capacidade de gestão, investimento e tecnologia de ponta na prestação de serviços”, acrescenta a nota.“Sob a gestão da BRK Ambiental, o saneamento de Mauá se prepara para uma nova etapa, garantindo desenvolvimento econômico, saúde e bem-estar para toda a sua população”.

Outras Notícias

Copyright 2013 - Instituto Trata Brasil - Todos os direitos reservados.