Benefícios Econômicos, sociais e ambientais da Expansão do Saneamento na AP-5 do Rio de Janeiro

Este estudo traz um balanço dos benefícios econômicos do saneamento na Área de Planejamento 5 (AP-5) da cidade do Rio de Janeiro. A AP-5 foi definida pela Lei Complementar nº 111/2011, promulgada em 1º de fevereiro de 2011, e abrange uma extensão de 592,33 km2, (48,4% da área da cidade do Rio de Janeiro). Ela está subdividida em 4 regiões, englobando os 21 bairros da Zona Oeste da cidade, nos quais moravam 1,758 milhão de pessoas em 2014.

A análise empreendida no estudo tem por referência o relatório do Instituto Trata Brasil sobre os benefícios do saneamento no Brasil, publicado em março de 2014, e informações do saneamento na AP-5 obtidas no Sistema Nacional de Informações do Saneamento (SNIS). O estudo aborda a geração de emprego e renda associada aos investimentos e à operação dos serviços de coleta e tratamento de esgoto e os impactos do avanço do saneamento na saúde da população e nos mercados.

(11) 3021-3143
tratabrasil@tratabrasil.org.br