Logo Trata Brasil

>ESG e Tendências no Setor de Saneamento do Brasil

Patrocinadora:

Patrocinadora:

O Instituto Trata Brasil, em parceria com a KPMG, divulga o estudo “ESG e Tendências no Setor de Saneamento do Brasil”, que tem como objetivo apresentar um panorama sobre como o setor de saneamento e os atores que compõem sua cadeia se relacionam com os aspectos ambientais, sociais e de governança (ESG) em torno de suas operações.

 

O material ressalta o papel importante que a infraestrutura dos serviços básicos desempenha sobre os pilares ESG. Em um cenário nacional que cerca de 35 milhões de brasileiros não têm acesso à água potável e cerca de 7,8 mil piscinas olímpicas de água tratada são desperdiçadas diariamente, “o estudo aponta que o setor de saneamento será fundamental para mitigar os impactos das mudanças climáticas, que influenciam na sazonalidade das chuvas, enchentes e secas, e consequentemente, impactam no acesso pleno à água potável”, como ressalta Luana Preto, Presidente Executiva do Trata Brasil.